Startup de Oeiras luta por investimento num dos maiores aceleradores da Europa

0
953

A Agroop, startup localizada na Incubadora Taguspark, é uma das três startups ortuguesas que durante quatro meses, foram acompanhados por experientes mentores e serão postos à prova no dia 15 de março, onde mais de 300 pessoas, das mais diversas áreas, irão marcar presença. Para além da Agroop, também a Glartek e Sensifinity fazem parte do grupo.

A Agroop quer democratizar o acesso à tecnologia no setor agrícola e para isso esta start-up está a desenvolver uma solução tecnológica composta por uma aplicação de gestão agrícola (Agroop Operacional) que está integrada com um multi-sensor bastante escalável que por sua vez deteta vários parâmetros no terreno, nomeadamente, humidade e temperatura do ar, radiação solar, temperatura e humidade do solo a várias profundidades.

A Glartek está a desenvolver uma plataforma de Realidade Aumentada para ajudar nas tarefas de manutenção industrial, ou seja, através do uso de um tablet ou smartphone e apontando este para um equipamento, o operador de manutenção consegue ver toda a informação gerada em tempo real e aceder diretamente a documentação como manuais, históricos e gráficos desse mesmo equipamento. É aplicada em ambientes complexos, com uma grande densidade de equipamentos industriais.

A Sensifinity pode caracterizar-se como a startup da Internet das Coisas para as massas. Em outras palavras, desenvolve soluções para todos os negócios que têm a necessidade de informação de dados para alcançar receitas adicionais baseadas na eficiência e mitigação do risco. Ligando-se aos dispositivos da Sensefinity e registando-os na plataforma, os projetos podem começar imediatamente a beneficiar dos dados recolhidos dos seus ativos e entregues pelo seu data-pipe GSM ubíquo com empresas multinacionais e com cobertura mundial.

Quanto à aceleradora H-Farm, tem como principal objetivo apoiar projetos que procuram a digitalização das suas operações. Já apoiaram mais de 550 projetos e 86 startups. Situada em Veneza, recebeu recentemente um investimento de mais de 100 milhões de euros, o que transformará o H-Farm no hub mais importante da Europa

Com alterações in:http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/startups-portuguesas-lutam-por-investimento-num-dos-maiores-aceleradores-da-europa-130361#.WL_Si8EiB30.facebook

COMPARTILHAR