Inscrições para bolsas de investigação Everything is New e IGC abertas até 15 de setembro

0
490

2

Em parceria com o Instituto Gulbenkian de Ciência, a promotora do Optimus/NOS Alive vai financiar mais duas bolsas de investigação para jovens recém-licenciados que tenham projetos na área da biodiversidade e de genética e evolução.

As bolsas de investigação científica Optimus Alive – IGC’14 destinam-se a jovens recém-licenciados, que serão integrados em projetos de investigação com a duração máxima de um ano nas áreas da biodiversidade e de genética e evolução.

Na edição deste ano, as bolsas contemplam dois projetos distintos a serem desenvolvidos no IGC: no primeiro (biodiversidade, genética de populações e de conservação) o bolseiro terá oportunidade de realizar trabalho de campo em Madagáscar (para estudar lémures e outros vertebrados) ou trabalho computacional em França; no segundo (genética e evolução) os participantes vão colaborar com um laboratório na Suíça na investigação da existência de um elo direto entre o sistema imunitário e a longevidade dos organismos, através da mosca da fruta.

As candidaturas a estas bolsas financiadas pela promotora do Optimus Alive terminam no dia 15 de setembro.

As bolsas Optimus Alive-IGC tiveram início em 2008 e desde então 8 delas foram atribuídas a jovens que desenvolveram projetos em áreas como a biodiversidade, evolução, genética, malária e microbiologia. Sam Viana e Célia Kun-Rodrigues foram dois dos bolseiros que já publicaram artigos na revista científica American Journal of Primatology.

Os bolseiros das edições anteriores continuam a desenvolver projetos de investigação científica, a maior parte no âmbito de doutoramento, quer em centros de investigação portugueses quer no estrangeiro.